Com a crise da pandemia do novo coronavírus (COVID-19) afetando a todos por todos os lados, tanto do lado pessoal quanto do profissional, tivemos que mudar nossos hábitos e rotinas rapidamente, mudando a forma de trabalhar e a gestão de equipes.

Para as empresas não foi diferente, a grande maioria adotou o regime de trabalho remoto (home office), com uma equipe completa ou parcial utilizando esse modo de trabalho. Medida apropriada para conter a disseminação do coronavírus.

Embora essa modalidade de trabalho fosse algo já utilizados por alguns, para a maioria das empresas isso era novidade. A liderança tem um papel importante nesse momento.

Seja no trabalho presencial ou no trabalho remoto, a importância da liderança deve ser destacada. Uma equipe engajada e produtiva não é criada sozinha. Mesmo não tendo um gestor, há sempre alguém a frente da equipe a guiando.

 

  • Qual a importância da liderança?

Há diversos pontos sobre a importância da liderança nas empresas, porém todos eles levam a um único objetivo final, o de conseguir fazer com que os colaboradores liderados cumpram suas atividades em dia e com a maior qualidade possível, sempre alinhados com os valores, visão e missão da empresa.

Entre os pontos de importâncias da liderança sobre a empresa é ideal que o líder implemente certas situações em suas atividades, principalmente durante o trabalho remoto, como:

 

  • Zelar pela boa comunicação e boa convivência do time.

  • Manter os colaboradores e a equipe engajados.

  • Gerenciar as atividades e os projetos a serem desenvolvidos.

  • Repassar a cultura da empresa para os liderados.

  • Incentivar um clima organizacional saudável.

  • Manter a equipe motivada e produtiva.

  • Trazer ideias de inovação para a organização.

  • Disseminar a missão, visão e valores da empresa.

  • Melhorar cada vez mais a qualidade do trabalho.

  • Dar feedbacks construtivos, sejam eles positivos ou negativos.

 

Além da execução desses pontos, o líder deve ser uma imagem de exemplo para os demais colaboradores, ser uma pessoa organizada, saber coordenar a equipe e saber identificar os pontos fortes e fracos de cada profissional liderado. Assim será mais fácil de alcançar os objetivos de um líder.

Esse é o trabalho de um líder e, se a pessoa que está à frente da equipe não cumprir esse papel, provavelmente a organização não conseguirá atingir suas metas finais.

 

  • 5 Dicas para ser um bom líder.

Já é difícil ser um bom líder na empresa de forma presencial, então não se sinta desmotivado por estar passando dificuldades nesse momento de liderança remota. Veja 5 dicas para um líder executar em modo de trabalho remoto.

 

  1. Mantenha um contato contínuo com os colaboradores

Mantenha um contato próximo com os colaboradores. Para isso, faça chamadas diárias se possível, e responda a dúvidas e questionamentos dos colaboradores durante o dia. Mantenha também um canal livre para que seus liderados possam se comunicar com você.

  1. Incentive todos a se manterem envolvidos nos projetos

Utilize e faça com que todos também usem ferramentas de gestão de projetos, como o Asana ou o Trello. Dessa forma, todos se mantém engajados nos projetos que estão sendo desenvolvidos e cientes das metas que é esperada por todos.

  1. Estabeleça metas coerentes

Não estipule metas que não sejam tangíveis e alcançáveis. Isso, com certeza, desmotivará os profissionais da equipe. O líder deve potencializar as habilidades de sua equipe e não desmotiva-los.

  1. Promova ensinamentos

Existem diversas plataformas com treinamentos online. Encontre algo que faça sentido para a evolução na carreira dos profissionais do time liderado e incentive-os a fazer. Pode ser algo para que façam em grupo ou um curso individual de acordo com cada um de seus liderados. Nesse momento de pandemia diversas instituições estão dando certos cursos de grátis.

  1. Use ferramentas de gestão online

Use ferramentas de gestão das atividades, gestão de horas trabalhadas, de documentos admissionais etc. Há diversas ferramentas online de gestão para diversas funcionalidades, pesquise as mais indicadas para sua organização.

 

  • Como manter a equipe comprometida no home office?

Muitos gestores podem ficar preocupados se a sua equipe estará engajada e produtiva durante o trabalho remoto. Porém, os líderes podem muito bem ajudar nessa questão. Com o papel de liderar, eles podem também incentivar os colegas e mantê-los comprometidos com os objetivos da empresa.

Algumas práticas podem auxiliar nessa questão, como:

 

  1. Demonstrar confiança

A situação de trabalho em casa é nova para todos e pode ser que muitos funcionários também não se sintam plenamente confiantes, com medo de não terem seus esforços reconhecidos. Nesse momento é essencial que o líder demonstre confiança em todos.  A equipe precisa saber e sentir essa confiança para se manterem mais tranquilas e seguras. Essa confiança não pode ser apenas por elas entregarem suas atividades no tempo determinado e sim pelo líder realmente confiar no serviço dela. Isso se mostra com a dose certa de cobrança, nada de perguntar duas ou três vezes a mesma coisa caso a primeira resposta já tenha sido satisfatória, e com sensatez na comunicação, tente evitar de enviar e-mails, fazer cobranças, ligar para falar de trabalho fora do horário de serviço do colaborador.

  1. Saber delegar bem as tarefas

O ideal nesse momento é delegar as tarefas por atividade, e não por horário, deixando claro o que espera em termos de: detalhes da tarefa, sua importância, prazo e resultados. Para o melhor funcionamento do home office para todos, é melhor eliminar a expectativa de horas contínuas de trabalho e potencializar as entregas e resultados.

  1. Promover ensinamentos de produtividade

A situação de home office é nova para funcionários em todos os níveis hierárquicos. Cabe a quem está em cargos de chefia guiar a equipe para o melhor caminho da produtividade nesse momento, é importante deixar claro que é possível ter responsabilidade com liberdade e que não importa o que os colaboradores façam ao longo dos dias, desde que entreguem tudo no prazo. No dia a dia isso vai se ajustando até não haver mais insegurança em nenhuma das partes.

  1. Não separar o pessoal do profissional

Durante as reuniões por videoconferência, esclarecimentos de dúvidas por telefone, lembretes por Whatsapp, podem ter ao mesmo tempo, filhos em casa, cachorro querendo um carinho, alguém chamando em outro cômodo da casa. A comunicação é bastante diferente quando é feito o trabalho em home office, e o superior precisa entender que agora o funcionário está se desdobrando em vários papéis, o que não compromete seu rendimento. Demonstrar compreensão e até mesmo abrir espaço para uma interação descontraída estreita o relacionamento entre o superior e o subordinado, e aumenta tanto a confiança quanto a produtividade.

O líder deve se manter no focado no bem da sua equipe e da empresa. A adaptação para o home office é desafiadora e o líder deve ajudar nessa adaptação toda. Entendendo as diferenças entre o trabalho presencial e o trabalho remoto.